qua. nov 20th, 2019

Welcome to Fernando de Noronha

10 motivos para você incluir Fernando de Noronha na sua lista de viagens

Imagina um lugar onde a natureza predomina e sua fauna e flora comandam a região formando paisagens paradisíacas praticamente intocadas pela mão do homem. Praias, cachoeiras, mirantes, ilhas, mangues, piscinas naturais e trilhas de ecoturismo são as principais atrações que promovem Fernando de Noronha, como um dos destinos mais desejados do Brasil.

Em meio a toda beleza, paisagens surpreendentes vendem a região a turistas do mundo inteiro que encontram no arquipélago um lugar ideal para curtir as férias com a família, amigos, em casal e até mesmo sozinho. São tantos os motivos para conhecer esse pedacinho tão maravilhoso do Brasil que separamos 10 razões para incluir Fernando de Noronha na sua lista de viagens.

Confira nesse vídeo o que fazer e quais são os principais pontos turísticos de Noronha:

Vídeo: IlhaTour

Mirante Dois Irmãos

Não é à toa que Fernando de Noronha se destaca como o destino mais bonito do Brasil, um dos principais cartões postais da ilha, são duas imensas rochas de tamanhos e formatos parecidos que emergem entre as águas azuladas do arquipélago.

A atração pode ser conferida de diversos pontos da ilha, mas o melhor local sem dúvidas é o mirante da Baía dos Porcos, em um imponente mirante localizado no topo de um paredão rochoso.

Vida Marinha

O arquipélago é composto por 21 ilhas que abrigam inúmeros corais e diferentes espécies de animais marinhos, entre eles tartarugas, arraias, moréias, lagostas e tubarões que perambulam sem se preocupar com a presença humana e fazem da ilha um dos melhores pontos de mergulho do planeta.

Observar os golfinhos

Há duas maneiras mais fáceis de observar os golfinhos que encontraram nas águas calmas e claras um lar perfeito para preservação da espécie. Uma delas é fazendo o tradicional passeios com embarcações náuticas que percorrem toda o litoral do chamado mar de dentro.

Outra é acordando cedo para chegar até o Mirante dos Golfinhos, que fica dentro da área do Parque Nacional de Fernando de Noronha, lá é possível pegar emprestado alguns binóculos e observar os golfinhos saindo da baía a procura de comida.

Pôr do Sol

Até um fenômeno natural grandioso que temos frequentemente se torna ainda mais especial em Noronha. Há inúmeros pontos perfeitos para aproveitar os últimos minutos do dia relaxando em meio a tanta beleza.

Entre os mais procurados estão o Forte do Boldró, o Mirante da Baía dos Porcos, a Capela de São Pedro e o Forte da Vila dos Remédios, que tem vista privilegiada para o Morro do Pico e o Morro dos Dois Irmãos mas atrás.

Isolamento e contato com a natureza

A grande distância percorrida até chegar em Noronha já é um dos motivos que vão nos desligando até chegar a ilha, lá o sinal de internet é fraco e em épocas de alta temporada dificilmente funciona com frequência. Esse isolamento nos proporciona ainda mais tempo e vontade de explorar as belezas que o arquipélago oferece, não tem nada melhor que acordar cedo todos os dias quando estiver no destino e caminhar pela praia durante o nascer do sol em seguida passar a tarde inteira sem se preocupar com nada relaxando em meio a alguma paisagem paradisíaca.

Piscinas naturais

Por ser um território bem acidentado, diversas formações rochosas espalhadas pelo arquipélago formam piscinas naturais durante o período de maré baixa. Entre eles está a Praia do Atalaia, uma enorme piscina natural com poucos metros de profundida que abriga dezenas de filhotes de espécies que vivem na região. A atração só pode ser visitada com agendamento prévio e possuí uma quantidade máxima de visitantes por dia.

Geografia única

O exótico território formado por 21 ilhas é composta de penínsulas, baías e grandes morros cobertos por uma incrível vegetação nativa que cortam toda Noronha. Essas características formam cenários únicos que parecem ter saído de algum filme hollywoodiano ou uma foto divulgando grandes destinos internacionais paradisíacos.

Passeios

Entre todos os passeios que se destacam na ilha, um dos mais procurados e divertidos é o plana sub, uma espécie de mini prancha que é rebocada mar adentro por embarcações tipicas levando turistas que comandam manualmente diversas manobras em baixo d’água, observando a intensa vida marinha da região.

Trilhas ecológicas

Se você adora ter um contato profundo com natureza, uma caminhada pelas diversas trilhas presentes na ilha pode ser um passeio agradável e surpreendente para você. A Trilha Pontinha-Pedra, por exemplo leva o visitante da Praia da Caieira para a Praia de Atalaia. São quatro horas de caminhada, passando por pequenas penínsulas de falésias, como a Pontinha e o mirante Ponta da Pedra Alta. No percurso, é possível avistar o local do primeiro naufrágio ocorrido no Brasil, em 1503.

Baía do Sancho

Considerada a praia mais bonita do mundo algumas vezes, a Praia do Sancho é a queridinha da ilha, todo mundo que desembarca na ilha tem a atração em mente como passeio obrigatório!

O motivo por todo o bafafá são as águas transparentes e calmas que molham esse pedacinho da ilha, ao lado da praia é possível realizar mergulho com snorkel entre as pedras que formam pequenos berçários de animais marinhos na praia.

FONTE: Guia Viajar Melhor